Geral

Rio Grande do Sul espera vacinar 1,5 milhão contra Covid-19 até o meio do ano

Secretária concedeu entrevista a Rádio Guaíba

Publicada em 15/01/21 às 09:05h - 56 visualizações

por TIRSUL


Compartilhe
Compartilhar a notícia Rio Grande do Sul espera vacinar 1,5 milhão contra Covid-19 até o meio do ano  Compartilhar a notícia Rio Grande do Sul espera vacinar 1,5 milhão contra Covid-19 até o meio do ano  Compartilhar a notícia Rio Grande do Sul espera vacinar 1,5 milhão contra Covid-19 até o meio do ano

Link da Notícia:

Rio Grande do Sul espera vacinar 1,5 milhão contra Covid-19 até o meio do ano
 (Foto: TIRSUL)

A Secretaria Estadual de Saúde projeta imunizar cerca de 1,5 milhão de gaúchos até a metade do ano, conforme explicou a titular da pasta, Arita Bergmann, em entrevista ao programa Esfera Pública, da Rádio Guaíba. Ela salienta, no entanto, que no início da campanha – previsto para quarta-feira (dia 20) – o Estado não terá doses suficiente para aplicar em todo o primeiro grupo destinado. 

“Precisaríamos, no Rio Grande do Sul, de 972 mil doses na primeira fase. Sabemos que não vai ter disponível do ministério (da Saúde)”, disse ela, que ressaltou: “Não teremos todas as vacinas da primeira etapa na arrancada da campanha. Mas que teremos para todos os grupos de forma gradativa e escalonada”.

Arita destacou que o Estado já está com a logística pronta para receber as vacinas, desde o armazenamento até a distribuição – que será proporcional ao número de habitantes das cidades. “A expectativa é de que, até meados do ano, nós possamos vacinar um terço da população brasileira. No caso do Rio Grande do Sul, seria vacinar em torno de 1,5 milhão de pessoas.” 

A informação sobre a quantidade exata de doses deve ser confirmada até o início da semana que vem, segundo ela. E então será definido o cronograma, que será extenso: “Vamos passar praticamente todo o ano de 2021 fazendo vacinas no Brasil, não só no RS”. 

A secretaria alertou que a vacinação não significará o fim imediato da pandemia. Além da imunização, é necessário manter as medidas de distanciamento por mais um tempo. “Não basta ter vacina. A responsabilidade e o cuidado envolve também o uso de máscaras, a não aglomeração. Tem que ter dois fatores conjuntos para que possamos vencer essa epidemia”.

Fonte: Correio do Povo




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (55)9 9942-2185

Visitas: 2014150
Usuários Online: 10
Copyright (c) 2022 - TIRSUL - Estamos felizes por você estar aqui, compartilhe conosco suas idéias e comentários.